sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Presente de grego


Isso é grego para mim! Motivado por hoje ter sido aprovado em meu exame de grego, resolvi escrever um pouco sobre isso. Como muitos de vocês sabem, o Novo Testamento foi escrito em Grego, língua usada em boa parte do mundo naquela época (O Antigo Testamento é quase todo em Hebraico, com algumas partes em Aramaico).
Nós, estudantes de teologia, tradicionalmente estudamos Grego para podermos ler o original Bíblico. Isso ajuda bastante na compreensão da passagem, pois as traduções inevitavelmente perdem um pouco, sendo sempre influenciadas pelo contexto da época e dos tradutores. Há algumas palavras e tempos verbais que são difíceis de serem traduzidas precisamente, estudando grego podemos na pregação e no ensino trazer parte disto para melhor entender e aplicar a palavra de Deus aos nossos corações.

O grego bíblico é diferente do Grego clássico. Trata-se do Koine, mais simples que o clássico, mas ainda grego pra gente! O estudo é muito interessante, e como com toda língua exige dedicação e uso constante para não enferrujar. Uma das dificuldades é o fato de que não são usadas as letras que estamos acostumado, mas sim as letras na tabela da foto aí ao lado. Grego é difícil, mas não impossível. Afinal, há um monte de crianças que aprenderam e falam por aí todos os dias!

2 comentários:

Emilio Garofalo disse...

Meu, Grego Bíblico, Grego Clássico,....
Pra mim é tudo grego.
Te invejo! Parabéns

Cristina Santos disse...

Rev. Emilio

Ainda bem que as crianças gregas sabem o idiona!!! e seu humor e humildade permitirão a cada dia mais entender e em breve, ensinar.

Você já conhece o mais importante: Quem É o Alfa e o Ômega.

Paz!